pasta basta

curitiba | 2021

Como diluir limites? Essa foi a inquietação que norteou o projeto para o restaurante de comida italiana Pasta Basta. A intervenção, em uma edificação genérica no centro de Curitiba, busca responder a essa pergunta através de uma reflexão sobre a transparência e suas distintas gradações materiais. Planos e superfícies foram tratados de forma a aproximar relações diversas, resultando em um espaço que transmite a identidade da Pasta Basta: simples, casual e aconchegante.

A fachada concentra os gestos tectônicos opacos. A cobertura de madeira que suaviza a escala da edificação, acalanta a transição de acesso e protege a ocupação do balcão externo. Dois elementos atravessam a fachada, intermediando e questionando os limites entre dentro e fora: o banco contínuo que recepciona e conduz o visitante da calçada até a sua mesa e o balcão que contorna a cozinha, aproximando quem prepara e quem degusta as refeições.


Diferentes escalas de aberturas promovem a percepção de um espaço contínuo. O desenho da malha metálica que reveste as aberturas da fachada possibilita um diálogo gentil entre cidade e restaurante, reforçado pela presença de mesas no recuo frontal, que ocupam e animam a vida da região. Grandes aberturas entre cozinha, caixa, salão e área de entregas criam um campo de profundidade visual que diminui hierarquias espaciais. Assim, se desperta a curiosidade de quem faz um pedido ao mesmo tempo em que pode observar o preparo de um prato ou a saída de uma entrega – modalidade de consumo reforçada pela COVID-19 e planejada como uma área com acesso independente no restaurante, organizando fluxos e conferindo conforto aos entregadores.

A relação ambígua entre leveza e peso tem seu ápice no forro do salão interno, onde a repetição de faixas de tecidos translúcidos produz uma gradação de transparência. Assim, o volume de tecidos dilui a impressão do elevado pé-direito, ao mesmo tempo que confere leveza ao espaço para quem experimenta uma encorpada massa fresca.
Projeto: pasta basta
Equipe de Projeto: Alexandre Kenji Okabaiasse, Vitor Takahashi, Giovanna Leal Antonio
Localização: Curitiba, PR – Brasil
Área: 121m²
Ano: 2021
Fotografias: Brenda Pontes
Início do Projeto: 2020
Término da Obra: 2021
vamos projetar juntos?

Utilizamos cookies para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais sobre o uso de cookies, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando em nosso site, você concorda com a nossa política.